A imprensa elitista X Educação para TODOS!



É impressionante como quando esclarecidos percebemos o quanto nosso povo é manipulado e subjugado por uma elite capitalista e selvagem em nosso país. Em nosso cotidiano nos deparamos com comentários, palavras bonitas, e quando não estamos a par das situações acabamos muitas vezes por balançar nossas cabeças positivamente para tais comentários ouvidos na TV. Já fui admiradora do comentarista Global Arnaldo Jabor em tempos remotos, já admirei suas palavras bonitas e críticas ferrenhas, mas há algum tempo e graças a Deus e a Educação, o esclarecimento real me fez perceber pra quem certa parcela da imprensa nacional trabalha. O renomado comentarista defendeu ferrenhamente ontem (18/04/11) no Jornal da Globo a privatização das empresas nacionais em prol da qualidade dos serviços, citou por exemplo a VALE e as telecomunicações, empresas privatizadas no governo de FHC. Jabor alega a má qualidade em empresas estatais como os CORREIOS, por exemplo. Mas questiono aqui: por que que as empresas estatais não tem sua funcionalidade perfeita? Por que o funcionalismo público não funciona direito no Brasil? Será que a burguesia capitalista não têm seus representantes ferrenhos nos parlamentos e câmaras espalhadas do Oiapoque ao Chuí? Esses mesmos que fazem as regras, leis e normas que regem a sociedade.

Mais um exemplo que podemos ter da imprensa elitista atuante nesse país está em muitos artigos publicados por periódicos e jornais de grande circulação no Brasil, como por exemplo, a VEJA e o Estadão. Os mesmo publicaram artigos feitos por seus jornalistas defensores de uma "qualidade de ensino" e que contestam acima de qualquer coisa o merecimentos dos Professores ao tão falado PISO SALARIAL do Magistério. Um deles é o da revista VEJA que vocês podem ler aqui http://migre.me/4hoWK o referido artigo não só critica a ação dos sindicatos (que muitas vezes até eu mesma concordo, pois estão infestado de interesseiros e bajuladores das elites dominantes), mas principalmente, contesta a qualidade da educação pública se baseando em depoimentos de prefeitos e outros políticos que dizem que o melhoramento do salário dos professores não implicará em melhoria da Educação Básica no Brasil.

No Link a seguir vocês pode ver a resposta da CNTE (Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação) sobre os artigos publicados http://migre.me/4hqnZ

Não estou defendo os sindicatos e nem generalizo a crítica a todos os sindicatos e a todos que fazem os sindicatos - os mesmo são muito importantes na luta contra a exploração capitalista à nossa sociedade, só precisamos tirar a corja podre e interesseira que está habitando suas entranhas, os sindicatos devem lutar pelos interesses dos trabalhadores e de uma sociedade mais justa -, mas defendo com unhas e dentes a classe dos professores, tão desvalorizada, humilhada e desrespeitada por muitos nesse país. Quando temos uma conquista significativa como o PISO SALARIAL muitos dos interessados e preocupados com a verdadeira QUALIDADE DA EDUCAÇÃO tenta de várias formas derrubar as conquistas e questionam a eficácia da valorizão salarial da classe.

A questão aqui meus amigos não é só o PISO e como pagá-lo, as questões são:
- POR QUE DAR EDUCAÇÃO DE QUALIDADE AO POVO?
- PRA QUE VALORIZAR OS PROFESSORES? Para esclareceram a "Massa de Manobra"?
- QUE ELITE DOMINANTES QUER SEUS TRABALHADORES INSTRUÍDOS E ORGANIZADOS PARA LUTAR POR SEUS DIREITOS?

POR ISSO NÃO QUEREM PROFESSORES VALORIZADOS E EDUCAÇÃO DE QUALIDADE NO BRASIL.

PENSEM NISSO!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário