MATEMÁTICA DE MENDIGO



Achei o texto desse e-mail muito interessante e resolvi postar para vocês meus leitores, não quero com ele incentivar ninguém a se tornar mendigo, ou mesmo desestimular e negar a importância do trabalho e principalmente da educação que nos faz chegar até ele, mas quero com ele mostrar o quanto é humilhantes o salário que nós profissionais da educação brasileira ganhamos nesse país de políticos corruptos e carrascos, leiam abaixo o e-mail enviado pelo amigo sindicalista Gabriel (Umarizal/RN)

MATEMÁTICA DE MENDIGO

Tenho que dar os parabéns ao estagiário que elaborou essa pesquisa, pois o resultado que ele conseguiu obter é a mais pura realidade..
Preste atenção...

Um sinal de trânsito muda de estado em média a cada 30 segundos (trinta segundos no vermelho e trinta no verde). Então, a cada minuto um mendigo tem 30 segundos para pedir a 5 motoristas e receber pelo menos de dois deles R$ 0,20 e faturar em media pelo menos R$ 0,40 o que numa hora dará: 60 x 0,40 = R$24,00.
Se ele trabalhar 8 horas por dia, 25 dias por mês, num mês terá faturado: 25 x 8 x R$ 24,00 = R$ 4.800,00.

Será que isso é uma conta maluca?

Bom, 24 reais por hora é uma conta bastante razoável para quem está no sinal, uma vez que, quem doa nunca dá somente 20 centavos e sim 30, 50 e às vezes até 1 Real.
Mas, tudo bem, se ele faturar a metade: R$ 12,00 por hora terá R$ 2.400,00 no final do mês.
Ainda assim, quando ele consegue uma moeda de R$1,00 (o que não é raro), ele pode até descansar tranqüilo debaixo de uma árvore por mais 9 viradas do sinal de trânsito, sem nenhum chefe para lhe censurar por causa disto.
Mas considerando que é apenas teoria, vamos ao mundo real.
De posse destes dados fui entrevistar uma mulher que pede esmolas, e que sempre vejo trocar seus rendimentos numa conceituada padaria. Então lhe perguntei quanto ela faturava por dia. Imaginem o que ela respondeu?
É isso mesmo, de 120 a 150 reais em média o que dá (25 dias por mês) x 120 = 3.000 e ela disse que não mendiga 8 horas por dia.
Moral da História :
É melhor ser mendigo do que estagiário (e muito menos PROFESSOR), e pelo visto, ser estagiário e professor, é pior que ser Mendigo... Pelo menos em Fortaleza...
Se esforce como mendigo e ganhe mais do que um estagiário ou um professor.
Estude a vida toda e peça esmolas; é mais fácil e melhor que arrumar emprego.
E lembre-se :
Mendigo não paga 1/3 do que ganha pra sustentar um bando de políticos vagabundos.
Viva a Matemática.

Rafael Nunes

E agora? Governo não deve atender aos servidores em setembro



A Secretaria de Planejamento chegou à conclusão: não vai ter como atender às reivindicações dos servidores no mês que vem. Isso acontecerá porque a arrecadação não cresceu do jeito que o Estado esperava e, portanto, o Governo não conseguiu sair dos limites da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Havia a promessa de que a partir do mês que vem os Planos de Cargos, Carreiras e Salários aprovados pela Assembleia Legislativa no ano passado pudessem ser colocados em vigor. Mas isso não aconteceu e pelo jeito não acontecerá após o aviso que será dado em toda a imprensa neste final de semana pelo secretário de Planejamento, Obery Rodrigues Júnior. Ele vai anunciar que o Estado não sairá da LRF em 2011 e que, portanto, as dificuldades enfrentadas até aqui não serão sanadas no nono mês do ano.

Pelo jeito, vem mais desgaste por aí.

Fonte: blog Gilberto Dias

Ideologia, quem quer uma pra viver?



Hoje venho tratar de um assunto em que sempre tive vontade de falar, mas esperei o momento apropriado, afinal, é interessante discorrer sobre determinadas questões quando nossos olhos veem uma manifestação da mesma.

Vocês já ouviram falar em IDEOLOGIA PARTIDÁRIA?

Ideologia é definida em dicionários como a ciência que trata da formação de ideias. E partido equivale à associação de pessoas que seguem a mesma doutrina política. Portanto ideologia partidária deve ser um conjunto de ideais compartilhadas pelas pessoas que seguem o mesmo partido.

Vimos em Janduís a pouco tempo atrás um "Teatro de Vampiros", onde os atores de um mesmo partido político de "esquerda" fizeram um alvoroço na Prefeitura Municipal de Janduís. Onde colocaram a Prefeitura Municipal como palco desse teatro e também taça/prêmio. Numa disputa sem escrúpulos, onde todo tipo de ataque pode ser visto e encenado frente a população que estava na plateia e que por vezes foi também atacada por alguns desses. Boicotes, motins, herois e vilões foram vistos nesse drama.

Pessoas manifestaram seu descontentamento com a situação, chegou-se a fazer campanhas em redes sociais, das quais fiz menção e participei, pois naquele momento percebia uma revolta comum entre nossos ideais. Admiro e respeito aqueles que levaram suas palavras e fizemos daquele momento um grito uníssono de uma verdadeira ideologia, independente de partidos políticos.

Segundo estudiosos a famosa Ideologia Partidária é algo utópico, pois os interesses pessoais e de governabilidade falam mais alto, fazendo com que as ideias se percam no caminho. O que questiono aqui é: O que aconteceu nos tenebrosos 25 dias e seu desenrolar? Foi apenas teatro? Ou realmente ideias divergem dentro desse partido e uma das partes foi derrubada? E os amigos de revolta comum, são condizentes com a atual ideia do partido? Afinal esse partido é formado por politizados que realmente seguem determinada ideia? Ou é composto em sua maioria por um exército de manobra que segue a ideologia de um e não do todo?

Até hoje nunca me filiei a partido político nenhum e continuo com essa ideia, afinal seguir uma "ideologia partidária de alguns" é algo surreal para mim que acredito realmente em minhas ideias. Fica aqui só mais uma revolta: ATÉ QUANDO O POVO DE JANDUÍS VAI ESTAR NA PLATEIA VENDO ESSE DRAMALHÃO DE QUINTA FEITO PELOS MESMOS ATORES E SUAS MÁSCARAS JÁ TÃO DECAÍDAS PERANTE A SOCIEDADE?

JÁ DIZIA CAZUZA "IDEOLOGIA, EU QUERO UMA PRA VIVER", MAS É SEMPRE BOM SABER QUAL IDEOLOGIA VOCÊ QUER! Eu tenho os meus #ideiaisproprios